quarta-feira, fevereiro 13, 2008

PCP propõe à Câmara de Lisboa estacionamentos para motas e bicicletas

Os vereadores comunistas na Câmara de Lisboa vão propor hoje a criação de
lugares de estacionamento para bicicletas e motas juntos aos interfaces dos
transportes públicos e nos parques de estacionamento municipais a preços
reduzidos.
Numa proposta que será discutida na reunião do executivo municipal, Ruben de
Carvalho e Rita Magrinho defendem que as direcções municipais de planeamento
urbano e de segurança e tráfego sejam incumbidas de criar "áreas de
estacionamento apetrechadas e dedicadas ao parqueamento de veículos de duas
rodas, junto aos interfaces modais de transportes, jardins e parques,
equipamentos colectivos e principais pólos comerciais".
Os comunistas pretendem que os regulamentos dos parques municipais sejam
alterados para "possibilitar a existência de locais de estacionamento para
bicicletas, ciclomotores e motociclos nos parques de estacionamento a preços
reduzidos".
O PCP propõe ainda que a EMEL disponibilize de forma experimental "nos parques
subterrâneos espaços limitados, reservados ao parqueamento de veículos
motorizados de duas rodas". Os vereadores comunistas consideram que a falta de
estacionamento para motas e bicicletas demove "muitos potenciais utilizadores
do uso destes meios de transporte, alternativos ao convencional automóvel".
Lusa

fonte: Jornal Público, 13.02.2008

Obrigado a Hugo.

3 comentários:

Hugo Jorge disse...

obrigado Ricardo pela referência.

o meu blog tem nova morada

http://hugo-jorge.blogs.sapo.pt/

Hugo Jorge disse...

Olá Ricardo
É bom ver de novo o blog em actividade. É um dos blogs de referência para quem quem andar de bici na cidade. Que venham mais notícias e artigos interessantes.

Declev disse...

Olá, estive em Lisboa, mas não vi muitas bicicletas, como em outras cidades. É bom incentivá-las, apesar dos altos e baixos da cidade...

Um artigo que mostra outras cidades da europa:

http://diariodoprofessor.com/2008/02/23/bicicletas-de-todo-mundo-uni-vos/